Curta e compartilhe!

Muitas pessoas sofrem de um grande medo relacionado à perda do amor para um(a) ex-companheiro(a) do(a) parceiro(a). Da mesma forma que cada um teve e pode vir a ter outros(as) parceiros, nosso(a) companheiro(a) tem um passado. A principal questão é: Ele(a) está comigo e porque sinto esse medo do contato com o passado.
Confiança: uma relação só tem chances de crescer se baseada em confiança dos dois lados. Está em nossas mãos a opção de confiar, e essa confiança começa com a certeza de que não somos capazes de controlar a ação do outro; apenas podemos controlar nós mesmos. Só você é responsável pela sua felicidade. Então faça uma decisão consciente e se dê uma chance de ser feliz, confiando no(a) parceiro(a).
Se seu(sua) parceiro(a) conta para você que mantém contato, é uma questão a menos para se preocupar… muito pior é descobrir que ele(a) mantém contato escondido. Se essa aproximação te incomoda muito, preste atenção nas atitudes do(a) seu(sua) parceiro(a) quando fala ou encontra a(o) ex.
Ele(a) ignora você e paquera ela(e)? Ele(a) mostra que vocês são um casal e trata a(o) ex apenas como amiga(o)? Ele(a) se encontra com ela(e) sem você de vez em quando? Para que assuntos eles se falam: cordialidade, datas festivas, ou para qualquer tipo de problema?
Esse tipo de análise te permite entender o tipo de ligação que existe entre eles. Se for de um tipo que te incomoda, converse com seu(sua) parceiro(a) explicando os seus receios e medos. Nunca fale que ele(a) está errado, pois não existe isso em relacionamentos. Existe apenas respeito, confiança, carinho.
Outros tópicos que podem ajudar muito seu conhecimento sobre a existência ou não de risco: quem terminou e porquê, quanto tempo ficaram juntos, qual a intensidade do relacionamento, um dos dois foi traído etc. Normalmente, as mulheres, mais que os homens, precisam desse tipo de informação para poder confiar e sentir tranqüilidade. Os homens, por sua vez, preferem viver sem muita informação do passado.
Você pode pensar também por outro aspecto: você tem muita sorte por viver um relacionamento intenso. Sentimentos intensos naturalmente deixam as pessoas mais inseguras(os). Como superar a insegurança? Você pode aceitar os(as) amigos(as) do(a) seu(sua) namorado(a) na sua vida, mesmo que esse(a) amigo(a) seja um(a) ex. Largue o passado no passado, afinal ainda bem que ele(a) acabou com a(o) ex, senão não estaria com você!
Apenas o tempo poderá dizer o futuro do seu relacionamento, e por isso essa sensação de incerteza é tão ruim, mas assim é a vida e o amor, então viva dia a dia.

(Visitado 76.227 vezes, 1 visitas hoje)