Curta e compartilhe!

Estarás aqui, em mim, pra sempre
Adormecida em meu peito
Até que o tempo rutilas teu seio
Da solidão que ainda me prende.Estarás pra sempre em meu coração

Estarás aqui, em mim, pra sempre
Adormecida em meu peito
Até que o tempo rutilas teu seio
Da solidão que ainda me prende.

Estarás,enfim, em minha mente.
Mais viva em meus pensamentos
Até que a vida nos devolva os momentos
Que, um dia, se perdeu da gente.

Estarás pra sempre no meu coração
Por resto dos meus dias.
Da vontade própria de sobreviver
E viver somente deste amor.

Até que o tempo passe a ser
Mesmo em meus últimos suspiros, rima
Em verso, em poeira ou mesmo em flor
Do que me prende ainda está solidão.

QUERMESSE

Ah! Meu Amor! Que Saudades!
Esta distância aos pouco nos afasta
A cada dia que vem e que passa
Vou sofrendo de tanta infelicidade!

Meu Amor! Eu já não suporto esta solidão!
Dia e noite, noite e dia a mesma cara
E eu vou fingindo toda esta farsa
Que na realidade eu vivo mesmo é da ilusão!

Volte meu amor! Volte! Que saudades!
Um instante sem tua presença envenena
O meu pobre e tolo coração!
Corra! Corra para os meus braços, Querida!

Não vou morrer desta angustura sofreguidão
Que a cada dia mais nos traz infelicidades
Acobertando a distância de nossas vidas…
Vem! Que o tempo passa de um adeus que acena!

(Visitado 149 vezes, 1 visitas hoje)

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0